04/06/2019 às 22h28min - Atualizada em 04/06/2019 às 22h28min

Grupo holandês desiste de negociação e ações da Braskem na Bolsa despencam 17%

Foi a maior queda entre as companhias com papéis na bolsa brasileira

- Fonte: Gazetaweb
Petroquímica diz que está buscando novas oportunidades FOTO: DIVULGAÇÃO
 

O anúncio da desistência das negociações entre a Odebrecht e a holandesa LyondellBasell para a aquisição da Braskem fez as ações da petroquímica na Bolsa brasileira despencarem 17,11% nesta terça-feira (04). Foi a maior queda do dia entre as companhias 

Na abertura, os papéis da companhia chegaram a registrar queda de 20%, recuando para 16,65% no fim da manhã. As ações fecharam o pregão negociadas a R$ 34,15.

 

De acordo com reportagem do jornal Valor Econômico desta terça-feira, a decisão da LyondellBrasell de suspender as conversas para a compra da Braskem representa uma pausa em uma negociação de quase 16 meses, prejudicada pelo aumento da insegurança jurídica em torno da situação financeira do grupo Odebrecht e por problemas causados pela exploração de sal-gema em Alagoas.

No início de maio, o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) divulgou o laudo responsabilizando a companhia pelas rachaduras nos bairros do Pinheiro, Mutange e Bebedouro. 

Segundo o relatório do CPRM, foram detectadas evidências de desabamento parcial em profundidade na área afetada em duas das 35 minas de exploração de sal-gema - matéria-prima utilizada na fabricação de soda cáustica e PVC.

A conclusão fez com Ministério Público do Estado e da Defensoria Pública, que haviam solicitado da Justiça o bloqueio de bens da petroquímica no valor de R$ 6,7 bilhões, voltar a buscar na Justiça o bloqueio.

De acordo com o Valor Econômico, no entanto, a desistência das negociações está relacionada a diversos fatores, mas principalmente, à insegurança jurídica em torno da situação financeira da Odebrecht. 

Em nota divulgada na manhã desta terça-feira, 4, a Braskem diz que a administração "seguirá em busca de oportunidades que tenham o potencial de agregar valor".


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

73.2%
26.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp