18/01/2022 às 19h00min - Atualizada em 18/01/2022 às 19h00min

Ainda não há evidência que crianças precisem de reforço da vacina, diz OMS

A vacinação contra a Covid-19 em crianças começou há pouco tempo no Brasil, mas a discussão sobre se será necessário administrar doses de reforço para essa população já está acontecendo em outros países.

Em entrevista coletiva na tarde desta terça (18), a Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou que ainda não há evidências científicas suficientes que apontem para a necessidade da terceira dose na faixa etária.

A cientista-chefe da entidade, Soumya Swaminathan, explica que, por enquanto, a prioridade é vacinar os grupos considerados vulneráveis. Para Michael Ryan, diretor de emergências da OMS, ainda é necessário observar como o sistema imunológico das crianças e adolescentes responderá às doses de reforço a longo prazo antes de fazer qualquer recomendação.







tnh1.com


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

75.6%
24.4%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp