13/01/2022 às 11h01min - Atualizada em 13/01/2022 às 11h01min

NOTA SOBRE EXECUÇÃO DE FAMÍLIA AMBIENTALISTA NO PARÁ

Bancada do Partido dos Trabalhadores da Câmara dos Deputados manifesta sua solidariedade aos familiares, companheiros e amigos da família ambientalista de Zé do Lago, Márcia e Joene, vítimas do crime bárbaro de execução, ocorrido em Cachoeira da Mucura, na região de São Félix do Xingu, Sul do Pará.


Nossa Bancada, ao tempo em que expressa profunda indignação e pesar pelo ocorrido, somará esforços ao lado dos movimentos sociais, populares, ambientalistas e de direitos humanos, bem como às instituições para que este crime de ódio não fique impune.


A Bancada do PT estará encaminhando requerimento para a instalação de uma Comissão Externa de acompanhamento das investigações, e indicará os Deputados Beto Faro PT/PA e Airton Faleiro PT/PA como seus representantes no estado, bem como os Deputados Paulão PT/AL – Coordenador do Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania e Nilto Tatto PT/SP – Coordenador do Núcleo de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Transição Ambiental e Ecológica como seus representantes.


A Bancada do PT irá solicitar ao Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, Deputado Carlos Veras PT/PE o acompanhamento do caso pela referida Comissão.


Cobramos o empenho dos órgãos governamentais do Estado do Pará para a imediata apuração e identificação dos responsáveis para que sejam punidos.


Seguimos na luta para que se interrompa um ciclo de impunidade e injustiça, e para que tenhamos políticas públicas voltadas à defesa do direito à terra, ao patrimônio ambiental, bem como na defesa dos povos e dos defensores de direitos humanos que vivem em regiões de conflitos motivados por interesses financeiros mesquinhos.


Reginaldo Lopes – PT/MG

Líder da Bancada do PT na Câmara dos Deputados

PT na Câmara 



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

75.6%
24.4%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp