30/08/2021 às 07h19min - Atualizada em 30/08/2021 às 07h19min

Grupo é preso ao tentar fraudar concurso da PC-AL com ponto eletrônico

Uma pessoa foi presa em Alagoas e outras quatro no estado de Pernambuco suspeitas de tentar fraudar o concurso público da Polícia Civil de Alagoas, nesse domingo, 29. A investigação foi conduzida pela Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic) em Alagoas e contou com o apoio da Polícia Civil de Pernambuco.

De acordo com o delegado Gustavo Xavier, coordenador da Deic, os cinco integram uma organização criminosa com atuação interestadual, cujo objetivo é proporcionar o ingresso em carreiras públicas de forma fraudulenta, sobretudo com a utilização de pontos eletrônicos.

"Todos os autuados em flagrante estavam com ponto eletrônico e todas tinham ligação. É provável que tenham outras pessoas e vamos trabalhar em cima de investigação, de informações, de materiais técnicos, para chegarmos até mais envolvidos. De início, os cinco foram autuados em flagrante com os materiais nos ouvidos. A investigação pode se estender um pouco, por mais alguns dias", disse Xavier. 

O detido em Alagoas foi levado para a sede da Deic, em Santa Amélia, enquanto o quarteto preso no estado vizinho foi autuado pela unidade policial local. 

 

Concurso da PC-AL

Segundo a Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), mais de 43 mil candidatos fizeram as provas do concurso da Polícia Civil de Alagoas na tarde desse domingo (29). O certame faz parte do Ciclo de Concursos do Governo e oferta 500 vagas divididas entre os cargos de escrivão (132) e agente de polícia (368).

Organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), o processo também teve provas aplicadas em outros dois estados devido às restrições determinadas pela pandemia de Covid-19. Visando à manutenção dos protocolos sanitários, os candidatos residentes em Sergipe fizeram a prova em Aracaju, assim como os residentes em Pernambuco participaram do processo seletivo em Recife.







fonte:tnh1

 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp