21/04/2021 às 18h41min - Atualizada em 21/04/2021 às 18h41min

Polícia indica cinco homens por estupro de três irmãs em Craíbas

Crime ocorreu em 2017 e vítimas tinham menos de 14 anos

Fábio Costa
Gazeta Web

O delegado regional de Arapiraca, Guilherme Martin Iusten, indiciou cinco homens por envolvimento em crime de estupro de vulnerável no contexto de violência doméstica, ocorrido em 2017, no município de Craíbas, e que teve como vítimas três irmãs, na época menores de 14 anos – entre elas uma de 11 anos e as demais de 13 anos. O inquérito já foi remetido à Justiça.
 

De acordo com as investigações da equipe da 62º Distrito Policial, contra a mais nova foi praticado ato libidinoso diverso da conjunção carnal, já contra as de 13 anos houve a efetiva conjunção carnal, tendo uma delas engravidado em decorrência dos atos sexuais. Alguns indiciados mantiveram conjunção carnal com as vítimas e outros praticaram atos libidinosos diversos da conjunção carnal. Todos foram enquadrados no art. 217-A do Código Penal que prevê o crime de estupro de vulnerável com pena de reclusão de 8 a 15 anos.

Segundo a polícia, os indiciados frequentavam habitualmente a residência das vítimas, onde ingeriam bebidas alcoólicas com a genitora das mesmas, então os criminosos aproveitavam da vulnerabilidade das menores para praticar os atos sexuais.
 

A Polícia Civil continua intensificando as investigações de crimes contra crianças e adolescentes, bem como os crimes no contexto de violência doméstica e familiar contra a mulher, ocorridos no município de Craíbas.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp