15/03/2021 às 23h06min - Atualizada em 15/03/2021 às 23h06min

Entidades ingressam com representação no MPF contra vereador do PSD

Vereador Leonardo Dias(PSD) é acusado de liderar manifestação que chegou a impedir vacinação em defesa da vida, após tumulto e aglomeração

Foto: Reprodução Internet

 
O Movimento Nacional Caras Pintadas e o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral em Alagoas, ingressaram com uma representação no Ministério Público Federal em desfavor do vereador por Maceió Leonardo Dias, que tem defendido as "ideias" negacionistas do presidente Jair Bolsonaro no tocante à pandemia.

 

A suposta conduta criminosa ocorreu no dia de ontem (14), quando manifestantes em apoio ao presidente Jair Bolsonaro invadiram o estacionamento de Jaraguá e tumultuaram a imunização, que havia sido programada para acelerar o processo de vacinação na capital que, por enquanto, contempla profissionais da área de saúde e idosos.

 
 
As entidades são coordenadas pelos combatentes ativistas políticos Raudrin de Lima e Fernando Cpi, que também ingressarão com um pedido de cassação do mandato do edil no conselho de ética do Parlamento Mirim, por quebra de decoro parlamentar.

 
Ainda no dia de ontem o prefeito JHC mostrou sua indignação pelas redes sociais: "Todos têm direito de se manifestar. Mas é absurdo invadir o estacionamento do posto de vacinação do Jaraguá, aglomerar e bloquear a entrada de idosos que seriam imunizados. Não compactuamos com esse tipo de atitude. A vacina salva vidas. Só com ela vamos retomar a economia". "O mais lamentável é que enquanto a @PrefMaceio trabalha de domingo a domingo para salvar vidas, teve vereador patrocinando e marcando ato que impediu a vacinação neste domingo em Jaraguá".

 
Lembrando que existe um decreto do governo estadual impondo restrições às aglomerações - incluindo eventos – atualmente Alagoas encontra-se na fase laranja.

 
FASE LARANJA - Aplicação das medidas sanitárias gerais e aplicação das medidas específicas para cada setor autorizado:
 
  • todos os setores autorizados na Fase Vermelha
  • centro de Maceió, de 9h às 17h - segunda a sexta; de 8h às 13h - sábado*
  • lojas de rua e galerias, de 10h às 19h - segunda a sábado*
  • salões de beleza e barbearias (apenas com hora marcada)
  • templos, igrejas e demais instituições religiosas (com 30% de sua capacidade)
  • marinas e clubes náuticos, exceto entre 17h de sexta até as 6h de segunda
  • academias, clubes e centros de ginásticas (com 30% de sua capacidade)**
  • bares e restaurantes (com 50% de sua capacidade), das 6h às 20h; sendo proibido o funcionamento a partir de 20h de sexta até as 6h de segunda**
  • shoppings, de 11h às 21h***
  • escolas, faculdades e universidades****
  • *Originalmente, lojas do Centro, de rua e galerias só tinham autorização para funcionar na fase laranja com limite de tamanho (com até 400 m²), mas agora a autorização é para qualquer estabelecimento, observando horário de funcionamento.
  • **Originalmente, academias, clubes, bares e restaurantes só poderiam funcionar na fase amarela, com 50% da capacidade e em horário ampliado.
  •  
  • ***Shoppings centers só estavam autorizados a funcionar na fase amarela e em horário ampliado.
  • ****Escolas, faculdades e universidades só estavam permitidas na fase verde, originalmente, mas receberam autorização na fase azul e permanecessem autorizadas nas fases amarela e laranja.
 
 
 
 
 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

73.2%
26.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp