25/09/2019 às 13h11min - Atualizada em 25/09/2019 às 13h11min

Polícia mata sequestradores e resgata funcionária da Equatorial

Emergência 190
Foto: Reprodução
O rastreamento do aparelho celular da funcionária da Equatorial Energia Alagoas, Adriana Rogério da Rocha, 44, levou equipes da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC), com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e da Polícia Militar (PM) localizarem o local onde ela era mantida refém.

Adriana, que estava desaparecida desde a tarde da segunda-feira 23, após sair do trabalho e dizer que passaria a tarde resolvendo questões particulares, era mantida aprisionada no município do Pilar, na Grande Maceió.

No local os policiais teriam trocado tiros com dois sequestradores, que segundo a versão policial, reagiram a voz de prisão.

Horas antes, policiais da Deic localizaram e prenderam Wallyson dos Santos Porfírio. Ele teria realizado uma compra no valor de R$ 3 mil Reais utilizando o cartão de crédito da vítima. Foram feitas outras tentativas de compras na mesma máquina, mas que foram bloqueadas pela operadora do cartão. O homem detalhou o endereço onde Adriana estava.

A mulher foi resgatada com vida e sem ferimentos, apesar de estar em choque. Ela foi levada, sob escolta policial, para uma unidade médica a fim de ser medicada.


Adriana desapareceu junto com o carro que dirigia, um Hyundai modelo HB20, branco, placas QLB 8998.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

73.2%
26.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp