21/09/2019 às 16h46min - Atualizada em 21/09/2019 às 16h46min

Grávida dá a luz dentro de carro no estacionamento do Hospital Universitário, em Maceió

TNH1
Foto: Reprodução

Um bebê nasceu dentro de um carro no estacionamento do Hospital Universitário (HU), no começo da manhã deste sábado (21), em Maceió. De acordo com o motorista do veículo, eles até chegaram ao local, mas o parto aconteceu alí mesmo, ainda dentro do carro.

O TNH1 conversou com o motorista, Gilberto Farias. Ele revelou que recebeu o chamado para realizar o transporte de uma grávida do Estáquio Gomes para o Hospital Univesitário, quando foi surpreendido pelo rompimento da bolsa gestacional.

“Susto foi. Eu nunca tinha passado por nada desse tipo. Ela já entrou no carro reclamando de muitas dores e sentindo muitas contrações. No caminho ela falou que a bolsa havia rompido. Liguei o alerta e fiz sinais para que os outros motoristas abrissem caminho. Quando chegamos ao hospital ela já estava em trabalho de parto”, explicou.

Ele informou ainda que algumas enfermeiras estavam na porta no hospital e que elas conduziram o nascimento da criança. “Quando a mãe da gestante avisou que ela estava em trabalho de parto, elas [as enfermeiras] vieram, pediram panos e luvas, e realizaram o parto dentro do carro. Para retirar a gestante do veículo eu tive que manobra para que o carro ficasse mais perto da porta”, revelou.

Sobre o susto, Gilberto confidenciou: "A gente fica bastante emocionado. Por exemplo, eu tenho filhos, mas nunca assisti o parto porque eu nunca tive coragem. Dessa vez fui meio que obrigado. Eu não tinha o que fazer, até porque eu estava concentrado dirigindo, mas a gente fica emocionado sim. É uma situação diferente... é bem especial", revelou.

A assessoria de comunicação do HU, informou a reportagem que o bebê é um menino e que ele e a mãe passam bem. A assessoria informou ainda que não foi necessário nenhum cuidado especial com os dois, que permanecem internados na unidade como determina o procedimento obstetrício.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

73.2%
26.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp