01/02/2022 às 09h08min - Atualizada em 01/02/2022 às 09h08min

TOGAS CORRUPTAS? – Desembargador pede “ajudinha” a juiz para conseguir trocar jetski

Na última quinta-feira, 27, a corregedora Nacional de Justiça, ministra Maria Thereza de Assis Moura, decidiu investigar o juiz Bruno Araújo Massoud por suposto favorecimento ilegal ao desembargador Fábio José de Araújo Bittencourt.

A “tramoia” seria para que Bittencourt conseguisse trocar um jet-ski, a partir de um processo contra a empresa Yamaha. O desembargador já teria utilizado a moto aquática além do prazo de garantia por defeitos.

De acordo com o despacho da ministra, o desembargador, na condição de corregedor-geral de Justiça de Alagoas, teria deliberadamente designado Massoud para responder pela 12.ª Vara de Maceió, onde sua ação tramitava, “com o propósito exclusivo de julgar a causa a favor da parte interessada (o próprio desembargador), o que efetivamente teria acontecido [em 2020]”.

“Com o recebimento da documentação, o envio de cópia integral deste procedimento à Vice-Procuradoria-Geral da República, para que promova, se for o caso, a instauração de Inquérito”, informou Maria Thereza de Assis Moura.












anoticiaalagoas.com


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp