25/08/2021 às 12h09min - Atualizada em 25/08/2021 às 12h09min

Jane Cigana recebe homenagem do Baba Manoel do Xoroquê em festa de Candomblé

Jane desabafou: "Se me matarem, me prenderem ou me baterem, como fizeram com Tia Marcelina, nunca largarei minha religião"

Na tarde desta última terça-feira, dia 24 de agosto de 2021, no terreiro do Baba Manoel do Xoroquê, Jane Cigana, foi recebida com honras e homenagens, pelo povo da religião da matriz africana no bairro do Benedito Bentes. “Mesmo se me matarem, me prenderem ou me baterem, como Tia Marcelina, nunca largarei a minha religião”, afirmou Jane Cigana, que foi mantida em um suposto cárcere privado pelos seus familiares, onde Jane Cigana se encontra em medida protetiva, sendo proibido seus familiares se aproximarem pela distancia de 500 metros, ou manter contato, sob a pena de sofrerem prisão preventiva. Depois de internarem Jane Cigana em Hospital Psiquiátrico e após mantê-la sem o direito de ir e vim sem comunicação, estranhamente, depois da mesma ter seu Pai falecido e a mesma ser uma das herdeiras de patrimônio deixado pelo Médico Dr. Meroveu, proprietário do primeiro laboratório de análises clínicas do estado de Alagoas.

O caso se encontra na justiça e tem como Advogado de acusação, Dr. Alberto Jorge (Betinho). Uma das acusações que se encontra em andamento é de intolerância religiosa, com gravações de seus familiares informando em destruição dos seus artefatos religiosos, com ordem judicial a OAB, constatou a destruição de imagens e toda discretizarão do ambiente religioso, cultivado por Jane Cigana.


fonte:ofato.al

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp