15/03/2021 às 19h38min - Atualizada em 15/03/2021 às 19h38min

Em Maceió, SMTT reforça fiscalização de medidas sanitárias em ônibus da capital

Por Alagoas de Verdade
Superintendente da SMTT acompanha fiscalização nas empresas. Foto: Ascom SMTT

O titular da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), André Costa, acompanhou a fiscalização das medidas de sanitização de empresas de ônibus de Maceió. Foram realizadas ações em duas empresas, Cidade de Maceió e Real Alagoas, que prestam o serviço de transporte coletivo de passageiros na capital.

A operação integra um cronograma de ações para fiscalizar o cumprimento dos protocolos sanitários por parte das empresas, em virtude da proliferação da Covid-19, assim como dos itens de segurança necessários para o transporte de passageiros.

A desinfecção dos veículos foi feita com produtos de uso hospitalar e com eficácia já comprovada pelas autoridades de saúde para eliminar o vírus. A higienização foi feita em todo interior dos veículos: assentos, barras de apoio, janelas, catracas e piso.

A SMTT orienta que a higienização seja feita em cada veículo e que todos os ônibus trafeguem com as janelas abertas durante o percurso. Além do uso obrigatório de máscaras por motoristas, cobradores e passageiros.

“A SMTT está atenta para que as empresas de ônibus cumpram as medidas necessárias do ponto de vista sanitário, sob pena de punições que vão desde advertências até multas. Também está sendo realizado um estudo de outros modais para que a oferta seja suprida pela demanda de usuários do sistema”, declarou o Superintendente.

A ação também será realizada nas empresas São Francisco e Veleiro. Um trabalho constante, baseado na fiscalização e no acompanhamento das empresas que transportam os maceioenses.

“O momento exige que sejam ampliadas as medidas para conter a pandemia, nosso papel é cobrar das empresas que sejam cumpridas todas as exigências dos protocolos sanitários, e das autoridades de saúde. Precisamos zelar pela vida dos trabalhadores e usuários do transporte coletivo”, frisou a Diretora do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió (SIMM), Paula Isanelle, também presente na inspeção.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

71.8%
28.2%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp