17/10/2019 às 11h19min - Atualizada em 17/10/2019 às 11h19min

Livro Revisão Criminal do Processo Delmiro Gouveia será lançado nesta sexta-feira (18)

O livro acompanha a revisão da condenação dos principais acusados do assassinato de Delmiro Augusto da Cruz Gouveia, em 1917

- FONTE: AGÊNCIA ALAGOAS
Para o secretario Enio Lins, os livros são parte integrante da comunicação, fundamentais para o processo da cidadania Foto:Thiago Sampaio
 

O lançamento do livro Revisão Criminal do Processo Delmiro Gouveia acontece nesta sexta-feira (18), no Colegio Delmiro Gouveia, às 19h, no município de Delmiro Gouveia, Sertão alagoano. O evento é uma ação conjunta entre o Governo de Alagoas, através da Secretaria de Comunicação, do Gabinete Civil, do Arquivo Público de Alagoas, da Imprensa Oficial Graciliano Ramos e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/AL).

O livro acompanha a revisão da condenação de Róseo Moraes do Nascimento, José Ignacio Pia, conhecido como Jacaré, e Antônio Félix do Nascimento, os principais acusados do assassinato de Delmiro Augusto da Cruz Gouveia, em 1917. 

A obra é um projeto sonhado por décadas pelo desembargador aposentado Antônio Sapucaia, que faleceu no dia 3 de outubro deste ano, devido a um infarto fulminante. “Ele lutou por mais de dez anos sem conseguir, até que graças ao governador Renan Filho, esta publicação finalmente aconteceu”, afirmou o secretário de comunicação do Estado, Ênio Lins.

 

Enquanto jornalista, Sapucaia foi responsável pela primeira entrevista com Róseo Moraes, em 1968, que revelou as inúmeras torturas realizadas para confessar um crime que não cometeu. A matéria foi publicada na Gazeta de Alagoas, no Jornal do Comércio, em Recife, e pela revista Cruzeiro. Após a publicação, Sapucaia foi constituído advogado de defesa, junto com Antônio Aleixo Paz de Albuquerque, mas precisou deixar o caso em 1971, quando se tornou juiz. O processo foi transferido para Moacir Medeiros de Sant’Ana que, juntamente com Albuquerque, realizaram a revisão criminal. 

CHÁ DE MEMÓRIA

Na ocasião, também ocorrerá uma edição do Chá de Memória, um projeto do Arquivo Público de Alagoas que se expandiu para alguns municípios alagoanos e promove debates sobre temas relevantes para a sociedade.

"Essa edição vai contar com a palestra do professor Edvaldo Nascimento, sobre o industrial Delmiro Gouveia", explicou Wilma Nóbrega, superintendente do APA. "Acredito que o evento irá agregar valor importante à publicação e ao estímulo do resgate de fatos históricos e personalidades que marcam nossa história, cultura e sociedade".


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

72.5%
27.5%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp