06/09/2019 às 12h01min - Atualizada em 06/09/2019 às 12h01min

Recém-nascido é encontrado com vida dentro de saco de lixo em bairro de Maceió

Estado de saúde, conforme conselheira tutelar, é grave; bebê foi levado para a Maternidade Santa Mônica

Gazetaweb


Foto: Reprodução | Internet

Um recém-nascido foi encontrado, nesta quarta-feira (4), por catadores no lixo de uma residência no bairro da Ponta Grossa, em Maceió. De acordo com informações da conselheira tutelar da 1ª Região, Ruth Moura, ele foi socorrido em estado de saúde crítico.

"O estado do menino é gravíssimo. É muito triste isso. Agora vamos registrar o caso na Delegacia de Crimes Contra a Criança e o Adolescente para que seja investigado. Quero encontrar os bandidos responsáveis por este crime",  disse Ruth Moura.

 

A conselheira disse ainda que o bebê foi encontrado, ainda com vida, dentro de um saco de lixo. Ainda não há informações sobre os pais. 

De início, o recém-nascido foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento do Trapiche (UPA) e depois encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) à Maternidade Santa Mônica.

A Santa Mônica informou que se trata de um menino que nasceu prematuro, com apenas 1,150 kg. A assessoria de comunicação disse à Gazetaweb que vai enviar nota sobre o estado de saúde do bebê.

Por meio de nota, a Maternidade Escola Santa Mônica informou que que o recém-nascido está internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN) da unidade. O bebê chegou à maternidade por volta de 8h40 desta quarta-feira (4) e encontra-se, no momento, em estado grave. 

De acordo com informações da UTIN, o recém-nascido chegou hipotérmico, está entubado e os exames necessários já estão sendo realizados. A idade gestacional do bebê é de cerca de 28 semanas, sendo considerado um prematuro extremo.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

O que deve ser feito com os prédios abandonados de Maceió que oferecem riscos à saúde pública e à vida das pessoas?

73.2%
26.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp